Eventos

Parte Histórica

A nossa instituição sempre teve o interesse de desenvolver valoração da cultura nordestina, é uma das nossas principais ações e  aproximar o público é através das nossas realizações, atividades que atraia o público em geral para conhecer mais o que é a cultura nordestina e em especial o nosso querido forró, assim no decorrer desses anos, realizamos diversos eventos e em diferentes regiões do Brasil. O nosso primeiro evento foi o Dia Nacional do Folclore realizado em 2009, teve o Encontro de Mestres da Cultura Popular no Mr. Caipira, tendo como principal evento o I Encontro de Foles e Sanfonas da Paraíba, esse evento que seria realizado por três vezes, no ano de 2010, 2011 e 2018, tendo como objetivo a valorizarizaçãó do fazer artística de folistas e sanfoneiros e contribuir para a valorização da identidade musical nordestina. A cada edição o evento homenageia ícones da música brasileira e internacional, ligados à prática desse instrumento. Em 2010 foi realizado o São João da ACNB que tinha como objetivo, levantar fundos para a manutenção da própria instituição e também promover a integração entre seus associados e a comunidade local. No centenário de Luiz Gonzaga em 2012, A comemoração do Centenário de Luiz Gonzaga foi realizado pela Associação Balaio Nordeste, em parceria com a Fundação Cultural de João Pessoa (FUNJOPE), contou com a apresentação da Orquestra Sanfônica Balaio Nordeste, com a apresentação dos alunos da Escola de Música Mestre Dominguinhos e de vários grupos associados. O evento reuniu cerca de 1000 pessoas na praça Rio Branco – Centro de João Pessoa. Em 2013 tivemos o Projeto “Forró na Vila”, Gravação do Clipe da Orquestra Sanfônica Balaio Nordeste (Lajedo de Pai Mateus, Cabaceiras). Em 2014 tivemos a Inauguração do Espaço de Convivência da Associação Balaio Nordeste e Reforma das salas da Escola de Música Mestre Dominguinhos e o lançamento do CD “Sob o Sol” do Músico Paulo Ro. Em 2015 foi realizado o evento Encontro para Salvaguarda das Matrizes do Forró, O Encontro das Matrizes do Forró reuniu participantes de vários estados do Nordeste, elaborando a Carta de Diretrizes para a instrução técnica para o Registro das Matrizes do Forró.